Prefeitura inaugura escola com tecnologia sustentável

EDI Vila da Penha

A Prefeitura do Rio inaugurou nesta quinta-feira, dia 13, o Espaço de Desenvolvimento Infantil (EDI) Mariana Rocha de Souza, localizado na Rua Arquimedes Memória s/n – Vila da Penha, em mais uma homenagem do município às vítimas da tragédia na Escola Municipal Tasso da Silveira, em Realengo. A nova unidade, totalmente erguida a partir do conceito sustentável, amplia em 250 vagas o atendimento em creche na região, para crianças com idades entre seis meses e cinco anos e 11 meses.

O prefeito Eduardo Paes e a secretária municipal de Educação, Claudia Costin, participaram da cerimônia, que também contou com a presença dos familiares da jovem Mariana. Ele agradeceu a mãe da adolescente por emprestar o nome da filha à creche e explicou o objetivo da homenagem:

EDI Vila da Penha

– Tivemos há seis meses uma enorme tragédia no Rio. Logo em seguida ao ocorrido, a prefeitura decidiu inaugurar creches com os nomes das vítimas, com o objetivo de trazer conforto para as famílias. Essa é uma forma não só de eternizar a presença da Mariana, mas, também, de não esquecermos que vivemos numa sociedade complexa, que precisa de mais paz, compreensão e amor pra evitar que essas tragédias se abatam sobre a nossa cidade. Infelizmente a Mariana teve o seu futuro interrompido, mas é através da educação que construímos o futuro e, aqui, muitos carioquinhas vão poder ter um futuro melhor – afirmou.

A nova unidade, construída pela Secretaria Municipal de Obras, por meio da RioUrbe, é a primeira da rede municipal de ensino a seguir um conceito totalmente sustentável. O projeto pioneiro contou, por exemplo, com a reutilização na obra do entulho gerado pela construção. Além disso, o novo prédio possui sistema de caixa de reúso, que armazena água da chuva para utilização na parte externa, como limpeza e jardinagem; e um “telhado verde” para poupar o uso da refrigeração e diminuir a temperatura interna do EDI.

EDI Vila da Penha

Além disso, visando a economia de energia, foram projetados janelas e solários mais amplos para que a claridade entre nos ambientes sem a necessidade do uso excessivo de iluminação elétrica.

A secretária municipal de Educação, Claudia Costin, falou sobre os investimentos da prefeitura na Educação do Rio:

– Aqui as crianças vão receber educação de qualidade desde a primeira infância. Nesse espaço as mães acompanham o desenvolvimento dos seus bebês e a cada ano há uma avaliação desse desenvolvimento. Além disso, contamos com os agentes de creche e professores de educação infantil, que são pessoas capacitadas para a realização das atividades infantis. Estamos aumentando o número de vagas, construindo prédios com muita qualidade e investindo na primeira infância, o que é fundamental para as crianças terem a chance de um futuro brilhante – destacou.

EDI Vila da Penha

O espaço possui oito salas de atividades, dois berçários, dois fraldários, sala de amamentação, solário, lactário, uma sala de núcleo de educação e saúde, banheiros infantis e de professores, brinquedoteca, secretaria, cobertura, pátio, parquinho com brinquedos, refeitório, lavanderia, sala de reunião e depósito. O local também atende as normas de acessibilidade, com rampas, elevador e ambientes amplos, além de banheiro para portadores de necessidades especiais. O investimento foi de R$ 3,2 milhões.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *