Holanda e Japão se classificam jogando bem

A Holanda venceu por 2 a 1 a seleção de Camarões e se classifica para a próxima fase com 100% de aproveitamento. Os africanos foram os primeiros a encerrarem a participação na África do Sul sem um pontinho sequer. A Holanda vai encarar a Eslováquia nas oitavas.

Copa do Mundo 2010

Foi um jogo em que a Holanda mostrou que, mesmo não encantando ou dando espetáculo, ela está na briga pelo título, com um futebol totalmente eficiente. Começou com um primeiro tempo morno, mas suficiente para sair na frente do placar.

No primeiro gol do jogo a Holanda fez uso de uma de suas principais armas: a troca de passes rápidos. Aos 35 minutos depois, Van Persie recebeu pela direita e ficou livre para bater firme. Gol da Holanda.

O segundo tempo começou com os holandeses jogando no contra-ataque. Aos 18 minutos, após certa pressão africana, Eto’o cobrou com força pênalti assinalado após Van der Vaart interceptar com a mão cobrança de falta: 1 a 1. Aos 38 Robben, que estreou na copa aos 28 minutos da etapa final, chutou com maestria após bonita jogada. A bola bateu na trave direita, e Huntelaar aproveitou o rebote escorando bem: 2 a 1 para os holandeses.

No outro jogo do grupo o Japão venceu a Dinamarca por 3 a 1, se classificando para a próxima fase da Copa do Mundo. Nipônicos enfrentam o Paraguai nas oitavas. Os dinamarqueses se despedem da África do Sul com três pontos. Os japoneses irão enfrentar o Paraguai nas oitavas.

O primeiro tempo começou com a Dinamarca partindo para cima nos primeiros minutos. Já os japoneses buscavam os contra-ataques sempre preocupados com a defesa. E aí Túlio Tanaka, brasileiro naturalizado japonês, se destacou na zaga parando os atacantes dinamarqueses.

Mas aos 17, em uma falta de longe pela meia direita,Honda bateu de canhota, o goleiro dinamarquês Sorensen pulou atrasado, e a bola morreu no canto esquerdo. Aos 29 minutos Endo bateu falta e acertou um belo chute no canto esquerdo, deixando o Japão com 2 a 0.

Na etapa final se repetiu a boa atuação dos japoneses, apesar de os europeus tentarem chegar ao gol aos trancos e barrancos. Aos 35 minutos Tomasson bateu pênalti, o goleiro Kawashima espalmou, mas Tomasson pegou o rebote e fez o gol dos holandeses. Aos 42 Okazaki fez o terceiro gol do Japão, após receber passe de Honda. Japão 3 x 1 e Dinamarca de volta para casa.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *